14 de nov de 2011

Jornalista Carlos Chagas e os " GENERAIS- PRESIDENTES"


OS GENERAIS PRESIDENTES
JORNALISTA CARLOS CHAGAS

"Erros foram praticados durante o regime militar, eram tempos difíceis. Claro que no reverso da medalha foi promovida ampla modernização de nossas estruturas materiais. Fica para o historiador do futuro emitir a sentença para aqueles tempos bicudos."
Mas uma evidência salta aos olhos.

Quando Castelo Branco morreu num desastre de avião, verificaram os herdeiros que seu patrimônio limitava-se a um apartamento em Ipanema e umas poucas ações de empresas públicas e privadas.

Costa e Silva, acometido por um derrame cerebral, recebeu de favor o privilégio de permanecer até o desenlace no palácio das Laranjeiras, deixando para a viúva a pensão de marechal e um apartamento em construção, em Copacabana.

Garrastazu Médici dispunha, como herança de família, de uma fazenda de gado em Bagé, mas quando adoeceu, precisou ser tratado no Hospital da Aeronáutica, no Galeão.

Ernesto Geisel, antes de assumir a presidência da República, comprou o Sítio dos Cinamonos, em Teresópolis, que a filha vendeu para poder manter-se no apartamento de três quartos e sala, no Rio.

João Figueiredo, depois de deixar o poder, não aguentou as despesas do Sítio do Dragão, em Petrópolis, vendendo primeiro os cavalos e depois a propriedade.
Sua viúva, recentemente falecida, deixou um apartamento em São Conrado que os filhos depois colocaram à venda, ao que parece em estado lamentável de conservação.



Não é nada, não é nada, mas os cinco generais-presidentes até podem ter cometido erros, mas não se meteram em negócios, não enriqueceram, nem receberam benesses de empreiteiras beneficiadas durante seus governos. Sequer criaram institutos destinados a preservar seus
documentos ou agenciar contratos para consultorias e palestras regiamente remuneradas.

Bem diferente dos tempos atuais, não é? "
Por exemplo o Lulinha, filho do Lula, era até pouco tempo atrás funcionário do Butantã/SP, com um salário (já na peixada politica) de R$ 1200,00 e hoje é proprietário de uma fazenda em Araraquara, adquirida por 47 milhões de reais, e detalhe, comprada a vista.

Centenas de outros politicos, também trilharam e trilham o mesmo caminho. Se fosse aberto um processo generalizado de avaliação dos bens de todos politicos, garanto que 95% não passariam, seria comprovado destes o enriquecimento ilícito.

E Viva a Comissão da Verdade !


Colaboração: Carlos Rodrigues

13 comentários:

Anônimo,  16 de dezembro de 2011 10:07  

Lembro , pois ainda menino (sou de 72), do governo Figueiredo , da elegância de Dª Dulce e da imponência de Figueiredo , seu governo e seus cavalos ... da visita de Reagan e do cavalo presenteado ... da segurança nas ruas , sem tantos traficantes assaltantes ... não voltam mais esses tempos , somente vemos hj a orda de corruptos , o Pinguço Lula se tratando e seus aceclas disseminando imoralidades a mil por hora .... VIVA O BRASIL ...

Joaquim Inácio Vasconcellos 14 de janeiro de 2012 03:33  

É incriível que alguns ainda tenham saudades da DITADURA MILITAR!
Gostam de comparar Liberdade e Transparência de nosos dias, quando a verdade não é coibida (e também as mentiras!), com um regime em que ninguém tinha sequer a liberdade de possuir opiniões, quando se prendia e matava impunemente por discordar, onde a Justiça eram os AIs...
Não, tenham paciência: me poupem desses saudosismos hipócritas!
Joaquim Inácio Vasconcellos, brasileiro, 74 anos.

Graça Lago 18 de janeiro de 2012 10:18  

Muito me admira o Jornalista Carlos Chagas fazer esta reportagem.

Isto tudo aí acima está muito bom, só que o Jornalista Carlos Chagas esqueceu de dizer que todos estes presidentes militares AFUNDARAM o país, ENTREGARAM o país nas mãos do FMI.

O que estou vendo atualmente é que a Europa está um caos só, com diversos países na bancarrota, o mesmo com os EUA, porém o Brasil do PT (há 9 anos, sendo 8 com o Lula e 1 ano com a Dilma) nunca esteve tão bem!!! A crise chegará aqui sim, mas não estamos na situação em que os militares deixaram.

E se hoje nós sabemos das falcatruas e corrupções de diversos políticos é porque há democracia, é porque o governo permite que os jornalistas vasculhem tudo, pois na época dos militares DITADORES não era permitido dizer um ai, muito menos falar de corrupção... SUMIAM COM O JORNALISTA QUE TENTASSE!!!!

Vejo hoje em dia muita gente que na época dos militares passavam necessidades e hoje são classe média alta!! Sinal de que a vida melhorou com a saída dos militares do poder!!!

Infelizmente, as pessoas não querem aceitar a verdade e continuam atacando o governo atual e antecessor.

Lamentavelmente o Jornalista Carlos Chagas está querendo "coroar" os militares, depois de tudo o que eles fizeram para o povo!!!

Esqueceu que os militares queriam explodir o Rio Centro e felizmente o tiro saiu pela culatra e explodiu no colo de um deles mesmo???!!!

Esqueceu que os militares, também para colocar a culpa nos comunistas, queriam explodir o gasômetro, que iria atingir um número enorme de gente, pois o gasômetro fica ali ao lado do bairro São Cristóvão???

Como o Capitão Sérgio se negou, FEZ A DIFERENÇA entre os militares, a soltar a bomba que seria a maior tragédia da história, atingindo milhares de inocentes, TIRARAM-LHE a farda!!
Veja o link abaixo!!!

http://www.torturanuncamais-rj.org.br/medalhaDetalhe.asp?CodMedalha=193

Será possível que até um Jornalista como o senhor esqueceu as atrocidades que os militares cometeram??????

Não sou uma pessoa politizada, sou povo, mas sou esclarecida.

Sr. Jornalista Carlos Chagas: MILITARES no poder, NUNCA MAIS!!!!!

Graça Lago 18 de janeiro de 2012 10:29  

Lamentável a postura deste senhor de 72 anos, o primeiro a fazer um comentário, pois ele enaltece a opulência do General Figueiredo, enquanto o povo passava necessidades e pior, era torturado!!

Outra postura errada deste senhor é rotular publicamente um ex Presidente da República de " pinguço". O fato de o ex Presidente beber não denegriu a imagem do país e muito menos levou o país a bancarrota, muito pelo contrário!!

Este senhor que sequer teve a coragem de se identificar, postando um comentário como ANÔNONIMO, deveria colocar a mão na consciência e rever suas atitudes e valores!!

Anônimo,  1 de julho de 2012 19:26  

Dêem uma olhada na Forbes, em http://www.forbes.com/billionaires/list/, não tem o Lula mesmo.
Vocês acham mesmo que o Jornalista Carlos Chagas iria escrever tanta asneira assim?
Piada!!!

Alexander Boechat 31 de agosto de 2012 20:32  

Aqueles que estudam ou estudaram pela nova sistemática do MEC (Ministério do Erros de Concordância), onde a história é FABRICADA pelo PT, certamente menosprezam tudo o que aconteceu de bom no regime militar. Aliás, o conceito de BOM foi também reeditado pelo PT.

Anônimo,  1 de setembro de 2012 19:55  

Depois de ler esse artigo, (autoria de Carlos chagas)fico mais indignado com alguns "brasileiros" chorando a volta de um regime onde bastava um telefonema anônimo delatando uma provável célula "comunista" para um "codi" qualquer, invadir uma residência e arrastar seus moradores para serem torturados. Onde discordar ou pensar diferente deles já era taxado como subversivo e inimigo da "pátria"...jornais e rádios censurados...estudantes...trabalhadores que desapareciam da noite para o dia...etc...etc!!! E outras tantas barbaries vistas somente no regime de "Hitler" ou "Stalin". E imaginar que alguém possa enaltecer e sentir saudades disso...

kesthe 6 de outubro de 2012 11:19  

Sou daquele tempo, sempre trabalhei, não tive problemas com eles, se alguém teve, foi porque devia alguma coisa. é só assim de simples.

Anônimo,  25 de novembro de 2012 22:07  

Vão trabalhar petistas, deixem de sugar o imposto dos outros. Vejam os fatos, acompanhem o mensalão e deixem de mascarar os fatos, agora é FATO, È CRIME, JÀ CONDENADOS, ALGUMA DUVIDA AINDA??? Sra Graça...

Anônimo,  28 de março de 2013 22:55  

Aqui em casa todo mundo assiste o SBT, porém, no comentário do jornalista Carlos Chagas no SBT Brasil cometeu uma gafe sem igual. Um jornalista decente e ético não tem o direito de julgar e sentenciar ninguém.Foi o que o senhor Carlos Chagas fez, quando estava se referindo ao deputado Marco Feliciano. Ele até pode dizer assim: o deputado tal, acusado de racismo e homofobia. Não, o ilustre jornalista sentenciou: "Marco Feliciano é racista e homofóbico". Como jornalista que sou, acho deplorável tal comportamento. Ainda mais que é um formador de opinião que está falando para um país inteiro. É essa a imprensa isenta e imparcial que ele prega e acredita? Sinto vergonha pelo que o senhor fez. Isso não é jornalismo, o senhor foi tendencioso e praticou o jornalismo pequeno e tremendamente reprovável. O senhor deveria urgentemente voltar aos livros de ética jornalística.

Anônimo,  23 de outubro de 2013 19:13  

eu tenho saudades, estas pessoas que querem esquecer os militares nao sabem o que teriamos hoje sem eles.
Seria uma segunda Cuba, um comunismo total.
Que se calem estas pessoas que não participaram de nada na epoca da revoluçao.

Luís Carlos Rocha 13 de janeiro de 2014 17:58  

''A melhor propaganda anti-comunista, é deixar um comunista falar...''
- Paulo Francis

Anônimo,  7 de fevereiro de 2014 13:01  

Precisa ser bem burro ou esta ganhando alguma coisa para defender essa corja de politico que fica falando que lutou por democracia, eles queriam era fazer parte do poder assim eles conseguiram enriquecer, pregar essa ideologia que serve para fechar os olhos dos brasileiros do que realmente acontece no Brasil.
O Brasil e governado por bandidos, e assassinos da pior espécie, pessoas que pra manter-se no poder faz qualquer coisa.
O culpado disso são os militares que criou essa raça de políticos tipo Lula e suas corjas,



Postar um comentário

Os comentários não refletem necessariamente a Opinião da editora do blog "PONTO DE VISTA".

  © Blogger templates Newspaper III by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP