6 de set de 2011

Giro de Notícias pelo Mundo...

Cientistas criam células-tronco para evitar extinção de espécies

BBC Brasil- Cientistas nos EUA anunciaram ter produzido células-tronco de rinoceronte-branco do norte e de um macaco africano, o que pode ajudar a garantir a sobrevivência das duas espécies ameaçadas de extinção.

Os cientistas relatam, na publicação Nature Methods, que as células-tronco poderão ser transformadas em diferentes tipos de células do corpo dos animais. Se forem convertidas em óvulos e esperma dos animais, “filhotes de proveta” poderão ser desenvolvidos.

Tais aplicações ainda estão num futuro distante, mas a chefe da equipe de pesquisa, Jeanne Loring, disse que os estudiosos ficaram especialmente entusiasmados com os resultados obtidos com as células de rinoceronte, que superaram suas expectativas.

As células-tronco foram feitas a partir da pele dos animais, em um processo de “reprogramação” – nele, retrovírus e outras ferramentas da biologia celular moderna são usados para devolver as células a um estágio prévio de desenvolvimento.

Nesse estágio, as células são “pluripotentes”, ou seja, podem ser induzidas a formar diferentes tipos de células específicas, como neurônios e cartilagens.

Os procedimentos em questão dependem muito de tentativas e erros, e os pesquisadores esperavam êxitos nos feitos com o macaco africano (chamado de drill), pelo histórico de experimentos prévios feitos com primatas. Mas os resultados das pesquisas com o rinoceronte surpreenderam.

“Não foi fácil fazer com que funcionasse, mas funcionou”, disse Loring à BBC News.Leia mais.../

Tubarão mata bodyboarder em 'paraíso' de surfistas


BBC Brasil-
Um surfista australiano morreu após ser atacado por um tubarão nas águas da baía de Bunker Bay, no sudoeste da Austrália, no fim-de-semana.

Segundo a imprensa australiana, Kyle Burden, de 21 anos de idade, foi praticamente devorado das pernas para baixo depois de ser atacado pelo que especialistas acreditam ser um tubarão-branco, um dos maiores predadores marítimos existente.

Testemunhas e amigos que estavam presentes no momento do incidente lamentaram a perda e relataram aos jornais e TVs da Austrália o sentimento de terror pelo fato de passar tão perto da morte.

Kyle Smith, de 25, estava surfando no mesmo local quando viu o que parecia ser uma baleia. Segundo contou à rádio 6PR e ao canal de TV Channel 9, um grupo de golfinhos estava se comportando de maneira estranha.

"Uma garota estava nadando atrás de mim. Ela gritou dizendo que achava que um golfinho estava atrás dela", afirmou.

"Olhamos e não era um golfinho. Estávamos bem convencidos de que se tratava de uma baleia. O animal passou debaixo da gente e foi em direção de um grupo de cerca de 15 surfistas", disse.Leia mais.../


Fonte: BBC Brasil

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários não refletem necessariamente a Opinião da editora do blog "PONTO DE VISTA".

  © Blogger templates Newspaper III by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP